KOINONIA lança cartilha sobre violações de direitos quilombolas

Acaba de sair a segunda da série de três publicações produzida por KOINONIA Presença Ecumênica e Serviço, em parceria com a Associação das Comunidades Remanescentes de Quilombos do Estado do Rio de Janeiro (Acquilerj).

Fruto do projeto Apoio ao Fortalecimento Político e Protagonismo das Comunidades Quilombolas do Rio de Janeiro, a cartilha enfatiza a interconexão entre os Direitos Humanos, Econômicos, Sociais, Culturais e Ambientais (Dhesca), mostrando, por exemplo, como as condições inadequadas de moradia podem afetar a saúde; ou como a falta de acesso a água de qualidade pode comprometer o direito ao meio ambiente sadio.
O material surge de uma demanda frequentemente expressa pelas mulheres e homens quilombolas ao lado dos quais KOINONIA tem atuado desde 1999, quando foi criado o Programa Egbé Territórios Negros, dedicado a superação das desigualdades raciais e da intolerância religiosa.
Também é importante destacar que, durante as atividades promovidas pelo projeto que originou a cartilha, foram colhidos depoimentos de quilombolas sobre os temas abordados, registrando em suas próprias palavras alguns dos desafios em busca de melhores condições de vida.
• Clique aqui e faça o download da Cartilha Violações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.