Ester Lisboa no “Gente Boa”

Clarisse Braga com revisão de Manoela Vianna

Ester e Anivaldo Padilha, socio de KOINONIA, durante uma premiação

A assessora do Programa Saúde e Direitos de KOINONIA Ester Lisboa participou do programa “Gente Boa” da rádio Boa Nova realizado pelo FICAS, organização de fortalecimento de entidades da sociedade civil, localizada em São Paulo.

Fundada em 1975 pelo Centro Espírita Nosso Lar, a rádio Boa Nova busca divulgar conhecimentos doutrinários. Apresentado pelo psicólogo Franklin Félix, participante do “Curso de Agentes de Promoção da Vida” de KOINONIA, o programa tratou sobre ecumenismo ligado à solidariedade e direitos humanos.

Ester falou sobre a história de KOINONIA e os princípios ecumênicos e inter-religiosos que conduzem as atividades da organização. Os diferentes programas promovidos por KOINONIA também foram comentados por terem como missão a prestação de serviços a grupos histórica e culturalmente vulneráveis ou, como afirmou Ester, “nós trabalhamos com as pessoas esquecidas da sociedade”.

Franklin questionou se o surgimento de KOINONIA estava relacionado com a emergência de se trabalhar com esta “população esquecida” e Ester explicou que, acima de tudo, a solidariedade ecumênica é o princípio basilar da organização. Desta maneira, “Levamos a esses grupos programas de formação de conhecimento, formação, educação e buscamos espaços democráticos que garantam a justiça e direitos humanos”, esclareceu a assessora de KOINONIA.

Além dos projetos do programa Saúde e Direitos, Ester também destacou a campanha pública “O amor lança fora todo medo” sobre religiosos e religiosas contra todas as formas de intolerância. Sobre isso, o apresentador Franklin Félix declarou a sua admiração pela campanha e contou ter usado a foto da logo como capa no seu perfil do Facebook.

Para ouvir o programa completo, clique aqui

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.