Quilombolas pedem atenção do Estado às comunidades

Apesar dos diálogos iniciados com o Governo Casagrande, os resultados ainda são poucos no apoio ao combate ao coronavírus nas comunidades quilombolas do Espírito Santo. Quem afirma é Arilson Ventura, coordenador da Coordenação Nacional de Articulação de Comunidades Negras Rurais Quilombolas (Conaq). “Estamos cobrando, nos reunindo com o centro de comando de combate à Covid do Estado, para ser feito um monitoramento com mais precisão dentro das comunidades, mas de fato isso ainda não ocorreu”, protesta o dirigente, que é da comunidade Monte Alegre, em Cachoeiro de Itapemirim, sul capixaba.

Por Vitor Taveira

Notícia disponível em: https://www.seculodiario.com.br/saude/quilombolas-pedem-atencao-do-estado-as-comunidades?fbclid=IwAR0sLuNkdlcTYsor7JNsURnXz1C5MyYlxOwno5rN5X5Jr1KXXiV5QzTXjYU

Fonte: Século Diário em 08/09/2020

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *