Quintais agroecológicos: um caminho para a segurança alimentar na Região Serrana do Rio

Carolina Maciel

Em resposta às tragédias ocorridas nas enchentes da Região Serrana do Rio em janeiro de 2011, KOINONIA – Presença Ecumênica e Serviço em parceria com o projeto dos Quintais Agroecológicos: um caminho para a segurança alimentar na região e apoiado pelo Banco de Grãos* e pela Igreja Unida do Canadá realizaram no dia 31 de março, em Teresópolis, a IV Oficina sobre os excedentes na produção dos quintais e discutiram formas estratégicas que podem ser adotadas na comercialização desses excedentes tendo como base as políticas públicas e as articulações locais e regionais produzidas pelos agricultores familiares.

Após a recepção do café da manhã, KOINONIA apresentou o objetivo do encontro que foi precedido por um trabalho de grupo que articulou a situação atual dos quintais e as possibilidades de escoamento do excedente na produção agrícola. Durante o evento houve ainda três debates que ajudaram no fomento à discussão; a constar: a) José Octávio Câmara Fernandes da Delegacia Federal do Desenvolvimento Agrário que dialogou quanto à questão das Políticas públicas voltadas para a Agricultura Familiar; b) Maria Fernanda de A. C. Fonseca da Pesquisa Agropecuária do Estado do Rio de Janeiro – PESAGRO/RIO-Nova Friburgo e c) a apresentação da Agroecologia e Segurança Alimentar em Teresópolis: A experiência da AAT. Além disso, foi apresentado um filme sobre a temática que permitiu juntamente com os debates a promoção do pensamento estratégico para os quintais agroecológicos e finalizou com a construção de um plano de ação para o mesmo. Veja abaixo o resultado dos grupos:

 

  • GRUPO VERMELHO:

Aprenderam a lidar com a terra;

Aprenderam a usar pouco defensivo;

Foi projeto que trouxe qualidade de vida;

Diminuiu o gasto através do aprendizado do orgânico convencional e melhorou a qualidade de vida.

Para o futuro:

Pensar no mercado para o futuro;

Quem não tem como escoar a produção tentar escoar para a escola através dos órgãos competentes.

 

  • GRUPO LARANJA:

Aprendizado;

União da comunidade (cooperação);

Alimentação saudável;

Diversidade de cultura;

Parceria;

O equilíbrio do planeta com o homem;

Produção do bokashi;

Resgate dos valores;

Alternativa de alimentação;

Resgate da agricultura orgânica;

Produção sem risco para a saúde;

O bom efeito do bokashi;

Produção para o próprio consumo;

Questão levantada pelo grupo: É possível abastecer escolas, hospitais, creches, asilos e orfanatos?

 

  • GRUPO VERDE:

ALGUÉM LEMBROU DA GENTE!

 

  • GRUPO ROSA:

Mudança na maneira de plantar;

Alimentação sem agrotóxicos;

A possibilidade de conhecer novas pessoas;

A possibilidade de conhecer coisas novas;

Retorno financeiro;

Mais conhecimento sobre agricultura orgânica;

Incentivo à produção.

Mudanças que o projeto trouxe:

Informação favorecendo a transição para a produção orgânica;

Conscientização do produtor em relação à necessidade de alimentação saudável;

Economia – produção de alimento em casa.

Como dar continuidade:

Fazer uma Associação de Produtores que desenvolva essa atividade;

Apoiar aos produtores para a comercialização dos produtos;

Reunião geral duas vezes no ano para a troca de experiências, sementes, mudas e manutenção da união entre os produtores.

O Projeto Emerge Rio, de apoio a Região Serrana, lançado por ACT Aliança e implementado por KOINONIA – Presença Ecumênica e Serviço, está à frente de ações efetivas na região de Teresópolis. Entendemos que uma postura solidária e humanitária pode reerguer os municípios, em especial, a vida de cada pessoa.

  • Em nota, o Banco de Grãos Canadense é uma receptora de donativos, como também de capital, exclusivamente, na área da segurança alimentar. O banco também fornecem consultoria especializada aos membros e parceiros; gerencia a aquisição e o fornecimento de produtos alimentares; e se envolve em atividades de políticas públicas e educação relacionadas à fome e segurança alimentar.

 

Notícias sobre a situação da Região Serrana:

Ações de ACT Aliança na Região Serrana do Rio de Janeiro

Projeto de recuperação da Região Serrana busca novas parcerias

ACT Aliança dá início às ações de solidariedade na Região Serrana

Equipe de Aliança ACT e assessores de KOINONIA visitam região Serrana

Situação da moradia na Região Serrana continua caótica

Corrupção na Região Serrana do Rio marca o descaso do poder público

Região Serrana do Rio clama apoio por ações efetivas

 

 Vídeos denunciando a ausência de ações efetivas na Região Serrana:

Denúncia Situação da Agricultura

Descaso Agricultura Região Serrana do Rio de Janeiro

Corrupção na Região Serrana

Aluguel Social

Cruzeiro

Alto de Vieira

Análise Técnica do Crea

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.