Prof. Zwinglio recebe título de cidadão juizforano

Carolina Maciel

 

 

O Prof. Zwinglio Mota Dias recebe, nesta sexta-feira, dia 25/05, o título de cidadão honorário de Juiz de Fora. A outorga será concedida pela Câmara Municipal de Juiz de Fora, por indicação do vereador Wanderson Castelar. A sessão terá início às 19h30.
O título está sendo concedido em virtude da sua jornada acadêmica em Juiz de Fora e da sua luta pela superação das desigualdades sociais e pelos valores democráticos.
BIOGRAFIA
Zwinglio Mota Dias nasceu em 1941, na cidade de Passa Quatro, no sul de Minas Gerais. Cursou o Ensino Médio no Instituto Gammon, em Lavras (MG). Aos 19 anos ingressou no Seminário Presbiteriano de Campinas (SP), de onde se transferiu para a então Facultad Evangélica de Teologia (hoje conhecida como Instituto Superior de Estúdios Teológicos – ISEDET) de Buenos Aires, Argentina, onde se graduou em Teologia, em 1963. Por 10 anos atuou como pastor, tradutor e ativo militante do movimento ecumênico. Preso em 1970 pela ditadura militar, deixou o país em 1971 permanecendo por dois anos em Montevidéu, Uruguai, onde dirigiu a publicação Carta Latino-Americana do movimento ISAL (Igreja e Sociedade na América Latina) e colaborou na publicação da Revista Cristianismo y Sociedad. Também trabalhou como pastor da Igreja Metodista do Uruguay.
Entre 1973 e 1978 fez estudos de Doutoramento na Universidade de Hamburg, na Alemanha. De volta ao Brasil, foi professor no Seminário Teológico da Igreja Metodista no Rio de Janeiro até 1981, ao mesmo tempo que assumiu a secretaria executiva da ONG ecumênica Centro Ecumênico de Documentação e Informação (CEDI) onde permaneceu até 1994. Foi diretor da Revista Cristianismo y Sociedad de 1980 a 1982. De 1982 a 1989 foi professor, de tempo parcial do Departamento de Ciência da Religião da UFJF. De 1984 a 1992 coordenou o grupo consultivo do Programa de Missão Rural e Urbana do Conselho Mundial de Igrejas. Em 1993 foi professor-visitante do McCormick Theological Seminary, em Chicago, Estados Unidos. Em 1995 esteve como professor-visitante do Emmanuel College da Victory University de Toronto, Canadá.
Voltou a atuar em definitivo na UFJF em 1998, como docente do Departamento de Ciência da Religião, aposentando-se em 2010, mas mantendo ainda hoje suas atividades como professor convidado no Programa de Pós-graduação em Ciência da Religião. Atualmente, além das atividades na pós-graduação, também integra a Assembleia de KOINONIA – Presença Ecumênica e Serviço.
 
Com informações Programa de Pós-Graduação em Ciências da Religião – UFJF

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.