Paz com desigualdade?

Manoela Vianna

         Os artigos do bloco principal da revista abordam as principais questões que se originam da estruturação desigual e perversa da sociedade brasileira, impedindo sua real democratização e sendo, ao mesmo tempo, fator determinante de conflitos sociais. Este número também apresenta um texto sobre o papel protagonista de Getulio Vargas no processo de modernização do Brasil, por conta do cinqüentenário de sua morte completado no ano passado.

         A consulta “Democratização e Construção da Paz” que deu subsídios para essa edição da Tempo e Presença foi promovida por meio de uma parceria da ICCO (Agência Intereclesiástica de Cooperação ao Desenvolvimento – da Holanda), da CESE, do Fórum Ecumênico Brasil (FE Brasil) e  da Coordenação de Articulação e Diálogo (PAD).

Conheça este e outros números da Tempo e Presença clicando no link da revista.       

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.