Nota de falecimento

Helena Costa (chamada inicial)


Pr. Sebastião Bertolino,  Pastor da Assembléia de Deus de Pindamonhangaba (SP), com apenas 49 anos de idade e com muita vontade e empenho em ver unidade de todas as religiões, deixou-nos o ultimo dia 25 vítima de um AVC. Foram 31 dias de UTI, no Hospital Beneficência Portuguesa.  Os poucos dias que esteve consciente presenciei os mais solidários gestos de amizade e companheirismo dele para com os profissionais de saúde, os demais pacientes e as pessoas que o visitavam. 
O movimento ecumênico lamenta e chora porque se foi um lutador incansável pelo ecumenismo, ele acreditava e esperava que um dia as religiões se unissem como forma de esperança, fé e respeito à  diversidade não só religiosa, mas de raça, gênero e social.

Durante estes 31 dias recebemos centenas de mensagens, telefonemas, torpedos, e-mails de pessoas se solidarizando com a situação de saúde do Pr. Sebastião. Vivenciamos dias de glória, em que a solidariedade ecumênica estava presente; padres, pastores, babalorixás do Candomblé, umbandistas e espíritas fazendo correntes de oração, intercedendo pela saúde do pastor.

No velório, 500 a 600 pessoas foram homenageá-lo e novamente a diversidade religiosa estava presente: católicos, evangélicos, espíritas, candomblecistas estavam ali para agradecer a Deus pela vida do Pastor Sebastião.


A mim, cabe apenas agradecer a Deus pela oportunidade de ter conhecido o Pr. Sebastião Bertolino,  um expert em amizade. Amigo de todos! Brancos, negros, homens, mulheres, jovens , crianças, idosos.. católicos, evangélicos, espíritas , afro-brasileiros…Nenhum título ou especificação era mais importante que a pessoa.

Temos muito aprender com sua história de vida, mas proponho que comecemos com a sua marca,  especializem-se  em amizade – pois é isso que abre todas as portas da vida e da alma!!
O Movimento ecumênico lamenta e chora!!


Ester L. Lisboa
Assessora Programa Saúde & Direitos


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.