MA – I Seminário Mulheres de Axé: um novo olhar

Márcia Evangelista

Aconteceu no último dia 27, o “Seminário Mulheres de Axé: um novo olhar”, uma parceria CEN – Coletivo de Entidades Negras, Prefeitura Municipal de Bacabal, Uema/Bacabal – Universidade Estadual do Maranhão e KOINONIA Presença Ecumênica e Serviço. O seminário foi uma atividade relativa à Campanha 16 dias de ativismos pelo fim da violência contra as mulheres, iniciada no dia 20 de novembro no Brasil. O seminário reuniu mulheres e homens de comunidades negras tradicionais do município e estudantes da Uema, entre outros.

A coordenadora estadual do CEN, Cristina Miranda, divulgou as ações do CEN no país, incluindo a participação da delegação maranhense na Caminhada Nacional Contra Intolerância Religiosa, realiza em Salvador no ultimo dia 22.

Ana Gualberto, assessora do Programa Egbé Territórios Negros, apresentou a experiência de KOINONIA no trabalho com comunidades de Terreiros de Candomblé em Salvador e com comunidades negras rurais e remanescentes de quilombo; o marco legal dos direitos destas populações também foi pontuado na fala da assessora de KOINONIA. Jamille Suzart, da Secretaria Municipal da Mulher, anunciou o mapeamento dos terreiros em parceria com o CEN/MA para que as comunidades de terreiros passem a receber as cestas básicas distribuídas pelo Ministério de Desenvolvimento Social – MDS e que são destinadas às casas de culto afro religioso. Lindoracy Santos, professora da Uema, discorreu sobre a emancipação das mulheres negras nos espaços públicos.

O seminário teve uma boa repercussão na cidade e sinaliza um interesse da prefeitura para com as ações voltadas às mulheres e ao povo das comunidades quilombolas e de terreiros.

Na opinião de Cristina Miranda, esta é a primeira de várias atividades da parceria CEN, Prefeitura e KOINONIA.

Por Ana Gualberto, assessora do Programa Egbé Territórios Negros

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.