Fé+Alegria: Realidades e Possibilidades

Clarisse Braga

Vulnerabilidades e direitos da pessoa vivendo com HIV foram alguns dos temas abordados no segundo dia do curso de formação de Agentes de Promoção da Vida, o Fé+Alegria, que aconteceu no último sábado, dia 27 de outubro, em São Paulo. 

O palestrante André Renato Navarro utilizou a história da Aids para ilustrar as vulnerabilidades que as pessoas escolhem possuir. A ideia de “escolher” passar por situações de vulnerabilidade despertou a curiosidade dos agentes presentes, pois ninguém imagina que a pessoa vulnerável algum dia teve a opção de não passar por isto.

André Renato Navarro

No entanto, André Renato apresentou os cinco Hs que explicam os grupos vulneráveis ao HIV Aids: homossexuais – o primeiro paciente conhecido a se contaminar foi um comissário de bordo homossexual, chamado  Gaëtan Dugas; hemofílicos – muitos pacientes hemofílicos contraíram o vírus ao fazerem transfusão de sangue; Haiti – este país foi um dos primeiros cenários a ser devastado pela epidemia do vírus da HIV; heroína – o compartilhamento de seringas pelos usuários desta droga contribuiu para o alastramento do vírus; e, por último, hookers (em inglês, prostitutas) – as profissionais do sexo incluem o “grupo de risco” por, muitas vezes, não utilizarem o preservativo caso o cliente ofereça mais dinheiro por isto. 

Além disso, André Renato discutiu sobre a identidade de gênero e as contradições das religiões que os seres humanos enfrentam durante sua caminhada religiosa, principalmente aquelas relacionadas ao papel atribuído às mulheres. Através da história bíblica da santa das causas impossíveis, Santa Rita de Cássia, o palestrante apresentou o modelo que as mulheres religiosas deveriam seguir.

Já a palestrante Heloísa Gama Alves, da Coordenação de Políticas para a Diversidade Sexual de São Paulo, tratou do assunto “direitos da família, trabalhistas e das pessoas vivendo com HIV Aids”, utilizando, de maneira delicada e discreta, relatos da vida real. As dificuldades que as travestis enfrentam – desde o uso do nome social até ao banheiro que deve ser utilizado – foi tema central do debate entre Heloísa e os Agentes de Promoção da Vida. Segundo a palestrante, existem decretos estaduais que garantem direitos aos homossexuais, assim como o Decreto Estadual n°55.839/2010, que “institui o plano estadual de enfrentamento à homofobia e promoção da cidadania LGBT e dá providências correlatas” e o Decreto Estadual n°55.588/2010, que “dispõe sobre o tratamento nominal das pessoas transexuais e travestis nos órgãos públicos do Estado de São Paulo”. 

Heloísa Gama Alves

 

Novamente, os Agentes de Promoção da Vida merecem destaque especial pela participação interativa durante as palestras de André Renato e Heloísa Alves. As questões levantadas pelos agentes expressaram suas experiências e também as dúvidas profundas quanto ao papel das igrejas no combate à discriminação da pessoa vivendo com HIV Aids e à homofobia.

 Agentes de Promoção da Vida

 

lições sobre direitos foram de suma importância para a capacitação dos agentes que participarão do lançamento da campanha “O amor lança fora todo medo”, que acontecerá no dia 1 de dezembro – Dia Mundial de Prevenção Contra Aids – na estação República do Metrô, em São Paulo. 

Heloísa Gama Alves terminou sua fala com os dizeres de Bertold Brechet:  

Primeiro levaram os negros
Mas eu não me importei com isso
Eu não era negro
Em seguida levaram alguns operários
Mas eu não me importei com isso
Eu também não era operário
Depois prenderam os miseráveis
Mas não me importei com isso
Porque eu não sou miserável
Depois agarraram uns desempregados
Mas como tenho meu emprego
Também não me importei
Agora estão me levando
Mas já é tarde
Como eu não me importei com ninguém
Ninguém se importa comigo
– Bertold Brechet
 
Para saber mais sobre a campanha e o curso Fé+Alegria, acesse a fanpage do Facebook http://www.facebook.com/cursofemaisalegria, ou envie e-mail para eventos.sp@koinonia.org.br . 
 
 
Leia mais notícias sobre o Fé+Alegria:
 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.