“Águas juvenis no Velho Chico” – nova publicação

Helena Costa

KOINONIA acaba de editar, com o apoio da Cese – Coordenadoria Ecumênica de Serviço, o livro “Águas juvenis no Velho Chico – Estudo de caso com a juventude camponesa: sua metodologia, seu aprendizado, seus efeitos e seus impactos”. Organizado por Jorge Atílio Silva Iulianelli, assessor do programa Trabalhadores Rurais e Direitos, o livro registra os resultados, processos e contextos de duas pesquisas envolvendo jovens sertanejos, realizadas na região do Submédio São Francisco, que recorta os Estados de Pernambuco e Bahia.

A equipe do Programa Trabalhadores Rurais e Direitos de KOINONIA desenvolveu duas pesquisas, nos anos de 2002 e 2005. A primeira delas tinha a intenção de avaliar  a qualidade das práticas sociopedagógicas empenhadas com a juventude sertaneja nordestina na região do Submédio São Francisco. A segunda, de caráter quantitativo, é um levantamento dos impactos da ação juvenil para a superação da violência na região. “Em especial, observou‑se como o fenômeno da violência letal era percebido pela população indiretamente impactada pelas ações juvenis. Isso implicou uma leitura da representação social da violência, das possibilidades de superação da violência e dos efeitos das ações juvenis para a sua superação”.

O livro traz os cadernos de campo dos pesquisadores formados por KOINONIA especialmente para a pesquisa. Neles registram-se as angústias, descobertas, temores e desdobramentos de jovens, e dão novas cores e tons aos números e porcentagens extraídos de centenas de horas de entrevistas – às vezes divertidas, noutras tensas, sempre trabalhosas e desafiantes.

Águas juvenis do Velho Chico” oferece importantes reflexões sobre a juventude rural, que vem carecendo, há muito, de maior atenção, tanto da academia quanto de outros espaços estabelecidos de poder e saber. Ainda que muito se tenha produzido sobre a juventude urbana, e que a temática rural tenha conquistado um espaço relevante na agenda nacional, a parcela jovem desta população raramente é considerada em suas especificidades. Assim, KOINONIA já há alguns anos decidiu investir esforços pedagógicos neste público, ávido de conhecimentos e prenhe de inquietações e potencialidades.

Em breve, aqui no site, o calendário de lançamentos de “Águas juvenis no Velho Chico”. Mais informações com a equipe do programa Trabalhadores Rurais e Direitos trd@koinonia.org.br .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.